Esse curso de especialização reune grandes profissionais da área da saúde, esporte e medicina.

Dentre eles, professores do Instituto Biodelta e da Universidade de São Paulo (USP), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), membros do Corpo Clínico do Hospital das Clínicas – Faculdade de Medicina da USP e convidados doutores, mestres e especialistas.

Conheça o programa do curso:

MÓDULO I: O TREINAMENTO RESISTIDO E SUAS APLICAÇÕES – 60 HORAS

  • Introdução
  • Bases da fisiologia do exercício
  • Promoção de saúde
  • Aptidão física
  • Composição corporal: ossos, gordura, músculos.
  • Biomecânica
  • Segurança musculoesquelética
  • Segurança cardiovascular
  • Ação muscular e execução dos exercícios resistidos
  • Aspectos técnicos do TR
  • Protocolos CMS
  • Drogas anabólicas
  • Doenças musculoesqueléticas
  • Doenças cardiovasculares e pulmonares
  • Nutrição no esporte
  • Suplementos alimentares
  • Doenças sistêmicas diversas
  • Doenças neuromusculares
  • Exercícios e lesões no TR
  • Prática – aparelhos
  • Prática – pesos livres
  • Prática – pessoas debilitadas

MÓDULO II: AS DOENÇAS E O ENVELHECIMENTO – 220 HORAS

  • Envelhecimento saudável
  • Envelhecimento celular
  • Envelhecimento dos tecidos
  • O pensamento científico
  • Transmissão de conhecimentos
  • Elaboração de monografias
  • Pesquisa bibliográfica
  • Emergências em atividade física
  • Bioquímica do exercício
  • Conceitos básicos em genética
  • Genética e hipertrofia muscular
  • Ergoespirometria
  • Avaliação isocinética
  • Eletromiografia
  • Avaliação da composição corporal
  • Bases do treinamento esportivo
  • Adaptações ao treinamento de força
  • Musculação nos esportes
  • Desvios posturais
  • Nutrição em geriatria
  • Drogas no esporte
  • História do TR
  • Sistema imune e exercício
  • Sistema imune e envelhecimento
  • Princípios do comportamento
  • Motivação para exercícios
  • Gestão em clínicas e academias
  • Psicologia do esporte
  • Gerontologia
  • Promoção de saúde e fragilidade
  • Qualidade de vida do idoso
  • Demências
  • Aspectos psico-sociais do idoso
  • Lesões musculares
  • Medicina do esporte
  • Ortopedia
  • Reumatologia
  • Atividade física na infância
  • Síndromes miofasciais
  • Reabilitação músculo-esquelética
  • Orteses na prática clínica
  • Diagnóstico por imagens
  • Lesão medular e fisiopatologia neurológica
  • AVE, TCE e PC
  • Doença de Parkinson, ELA, Esclerose múltipla
  • Poliomielite, neuropatias periféricas e miopatias
  • Meios físicos terapêuticos
  • Acupuntura e terapia manual
  • Cinesioterapia
  • Hemodinâmica
  • Ajustes cardiovasculares no TR
  • Adaptações cardiovasculares no TR
  • Envelhecimento e Aterosclerose
  • Doença vascular periférica
  • Insuficiências coronariana
  • Insuficiência cardíaca
  • Hipertrofia cardíaca
  • Hipertensão arterial
  • Arritmias e teste ergométrico
  • Reabilitação cardíaca
  • Pulmão – estrutura e função
  • Doenças pulmonares
  • Poluição atmosférica
  • Reabilitação pulmonar
  • Hormônios e exercício
  • Diabetes
  • Exercício e diabetes
  • Obesidade
  • Exercício e obesidade
  • Hipogonadismo masculino
  • Climatério – Osteoporose
  • Exercício e osteoporose
  • Fisiologia da gestação
  • Gestação e exercício
  • Doenças sistêmicas crônicas e exercício
  • Doenças neoplásicas e cuidados paliativos
  • Terapia aquática funcional
  • Esportes para deficientes físicos
  • Pé do idoso – Terapia ocupacional
  • Otorrinolaringologia
  • Odontogeriatria
  • Primeiros socorros

MÓDULO III: OBSERVAÇÃO, DISCUSSÃO DE CASOS E TREINAMENTO INDIVIDUAL – 80 HORAS.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ANATOMIA E BIOMECÂNICA (ANBIO)
Vigué J, Orte E. Grande atlas do corpo humano – Anatomia, Histologia, Patologia. São Paulo: Manole; 2007.
Hamill J, Knutsen K. Bases biomecânicas do movimento humano. São Paulo: Manole; 2007.
Delavier F. Guia dos movimentos de musculação. São Paulo: Manole; 2006.
Herlihy B, Maebius N. Anatomia e fisiologia do corpo humano saudável e enfermo. São Paulo: Manole; 2002.
Amadio A, Barbanti V. A Biodinâmica do movimento humano e suas relações Interdisciplinares. São Paulo: Estação Liberdade; 2000.
Kendall F, McCreary E, Provance P. Músculos, provas e funções. São Paulo: Manole;1995.

FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO (FISEX)
Fleck S, Kraemer W. Otimizando o treinamento de força. São Paulo: Manole; 2009.
Rowland TW. Fisiologia do exercício na criança. São Paulo: Manole; 2008.
Powers S, Howley E. Fisiologia do exercício, teoria e aplicação ao condicionamento e ao desempenho. São Paulo: Manole; 2005.
Fleck S, Kraemer W. Fundamentos do treinamento de força muscular. São Paulo: Artmed; 2004.
Kiss MA . Esporte e exercício – avaliação e prescrição. São Paulo: Roca; 2003.
Robergs R, Roberts S. Fisiologia do exercício para aptidão, desempenho e saúde. São Paulo: Phorte; 2002.

BIOQUÍMICA, NUTRIÇÃO E GENÉTICA (BINUG)
Hirschbruch MD, Carvalho JR. Nutrição esportiva. São Paulo: Manole; 2008.
Nelson D, Cox M. Princípios da bioquímica. São Paulo: Sarvier; 2002.
Wollians M. Nutrição para saúde, condicionamento físico e desempenho esportivo. São Paulo: Manole; 2002.
Bacurau R. Nutrição e suplementação esportiva. São Paulo: Phorte; 2000.

METODOLOGIA CIENTÍFICA, DIDÁTICA E COMPORTAMENTO (MECDC)
Greenhalgh T. Como ler artigos científicos. São Paulo: Artmed; 2005.
Gil AC. Metodologia do ensino superior. São Paulo: Atlas; 2004.
Severino AJ. Metodologia do trabalho científico. São Paulo: Cortez; 2002.
Medeiros JB. Redação científica. São Paulo: Atlas; 2000.
Catania AC. Aprendizagem: comportamento, linguagem e cognição. São Paulo: Artmed; 1999.
Baum WM. Compreender o behaviorismo – ciência, comportamento e cultura. São Paulo: Artmed;1999.

DOENÇAS E LESÕES DO APARELHO LOCOMOTOR (DOLAL)
Hoppenfeld S. Propedêutica ortopédica. São Paulo: Atheneu; 2007. Whiting W, Zernicke R. Biomecânica da lesão musculoesquelética. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2001.
Snider RK. Tratamento das doenças do sistema musculo-esquelético. São Paulo: Manole; 2000.
Golding D. Reumatologia em medicina e reabilitação. São Paulo: Atheneu; 1991.

DOENÇAS DO APARELHO CARDIORESPIRATÓRIO (DOACR)
Negrão CA, Barreto ACP. Cardiologia do exercício. São Paulo: Manole; 2.010.
Lopes AC. Tratado de clínica médica. São Paulo: Roca; 2009.
Rozman C. Compêndio de medicina interna. São Paulo: Manole; 1999.

DOENÇAS SISTÊMICAS E ENVELHECIMENTO (DOSIE)
Perraccini MR, Fló CM. Funcionalidade e envelhecimento. Rio de Janeiro: Guanabara-Koogan;2009.
Farinatti P. Envelhecimento promoção da saúde e exercício. São Paulo: Manole; 2008.
Jacob Filho W. Atividade física e envelhecimento saudável. São Paulo: Atheneu; 2006.
Jacob Filho W. Avaliação global do idoso. São Paulo: Atheneu; 2005.
Matsudo SM. Avaliação do idoso. Londrina: Midiograf; 2004.
Jacob Filho W. Prática a caminho da senecultura. São Paulo: Atheneu; 2003.

GESTAÇÃO E CLIMATÉRIO (GECLI)
Lopes MAB, Zugaib M. Atividade física na gravidez e no pós-parto. São Paulo: Roca; 2010.

MEDICINA FÍSICA E REABILITAÇÃO (MEFIR)
Greve J. Medicina de reabilitação aplicada a ortopedia e traumatologia. São Paulo: Roca; 2009.
Cohen M. Guia de medicina do esporte. São Paulo: Manole; 2007.
Amatuzzi M, Greve J, Carazzato JG. Reabilitação em medicina do esporte. São Paulo: Roca; 2004.

EXERCÍCIOS RESISTIDOS TERAPÊUTICOS (ERTER)
Ciccolo, JT, Kraemer, WJ. Resistance training for the Prevention and Treatment of Chronic Disease. USA: CRC Press, 2013
Santarem, JM – Musculação em Todas as Idades. São Paulo: Manole, 2012.
Martini AC, Silveira CE. Manual de primeiros socorros. São Paulo: Corpus; 2007.
Graves J, Barry F. Treinamento resistido na saúde e reabilitação. São Paulo: Revinter; 2006.